Conteúdo da Notícia

Desembargador Mário Teófilo toma posse como ouvidor do Poder Judiciário cearense

Publicado em: 11-02-2019

A Ouvidoria do Poder Judiciário do Ceará tem um novo gestor. O desembargador Mário Parente Teófilo Neto tomou posse, nesta segunda-feira (11/02), como ouvidor da Justiça estadual. A assinatura do termo de posse foi realizada na presença do desembargador Washington Araújo, presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), e do juiz Luciano Lima Rodrigues, auxiliar da Presidência.

Segundo o desembargador, a Ouvidoria tem por missão maior representar o Poder Judiciário em interlocução com os vários segmentos da sociedade. “O maior desafio que temos nesse trabalho é fazer uma boa representação da Justiça, levando à sociedade as medidas que o Judiciário pode adotar diante das queixas e reclamações que nos são trazidas”, disse Mário Parente.

O magistrado destaca que o órgão não soluciona o problema em si, mas trata de dar o devido encaminhamento, pois “é um canal de interlocução. Queremos prestar o melhor serviço, de modo transparente, para que as pessoas tenham a certeza de que existe esse canal de diálogo para resolução dos seus problemas jurídicos.”

A OUVIDORIA

A Ouvidoria do Poder Judiciário foi criada pela Resolução nº 23/2004, publicada no Diário da Justiça do dia 25 de agosto de 2004, passando a funcionar a partir de 28 de outubro daquele ano, na gestão do desembargador João de Deus Barros Bringel. Somente nos últimos dois anos de funcionamento foram registradas mais de catorze mil demandas.

O ouvidor tem a função de receber informações, sugestões, reclamações e denúncias dos usuários sobre as atividades do Judiciário, encaminhando as manifestações aos setores administrativos competentes. Também tem a função de propor melhorias para os serviços prestados pela instituição, na busca constante da eficiência e da transparência administrativa.