Conteúdo da Notícia

Campanha “TJCE Solidário” arrecada doações para famílias carentes afetadas pela pandemia

Publicado em: 11-09-2020

Três instituições que trabalham com famílias carentes afetadas diretamente pela pandemia do novo coronavírus serão contempladas com doações de magistrados, servidores e aposentados engajados na campanha “TJCE Solidário”, promovida pelo Judiciário cearense. A iniciativa prossegue até meados de novembro.

“É uma grande oportunidade para contribuir com as pessoas que estão necessitado muito neste momento”, afirma a supervisora do Núcleo Socioambiental, desembargadora Maria Iraneide Moura Silva, cujo setor é responsável pela campanha, que tem como slogan: “No TJCE, a solidariedade faz a diferença na vida de quem necessita”.

Os profissionais são convidados a participar de maneira voluntária. Para isso, basta autorizar o desconto em folha de pagamento de um determinado valor. No caso de comissionados e terceirados que desejarem contribuir, poderão fazer diretamente no banco Sicred (748); CNPJ: 06.300.877/0001-84; conta corrente: 1764-7; agência 2307, em nome da Associação dos Analistas Judiciários do Tribunal de Justiça do Ceará (AAJUCE).

Após o dinheiro arrecadado, serão adquiridas cestas básicas que, além de alimentos, incluirá itens de higiene. ”Estamos otimistas, com a confiança de que todos serão solidários ao propósito”, diz Wilson Lustosa, coordenador do Núcleo Socioambiental e da Comissão que está à frente dos trabalhos. Ele informa que as cestas serão entregues às instituições em duas datas, que possivelmente será em 15 de outubro e 13 de novembro.

COMO PROCEDER

A Direção da AAJUCE alerta que os interessados em fazer a doação devem preencher e assinar o formulário e enviar para tjcesolidario@tjce.jus.br, até o dia 13 de setembro. O voluntário poderá indicar o valor a ser descontado em folha, no mês de setembro ou outubro.

Os valores arrecadados serão repassados à AAJUCE, que ficará responsável pela aquisição dos insumos, organização das cestas básicas, repasse para as entidades beneficiadas e prestação periódica de contas, mediante convênio estabelecido com o Tribunal.

O servidor Hudson Pereira, que integra a Comissão, já fez a doação e aconselha. ”Quem puder, destine uma pequena parte de seu salário, por um ou dois meses, para famílias realmente necessitadas de ajuda, vítimas dessa pandemia. Não vai lhe fazer falta”, garante Pereira.