Conteúdo da Notícia

Comissão do Judiciário realiza treinamento para pretendentes à adoção na Comarca de Canindé

Publicado em: 27-09-2019

A Comissão Estadual Judiciária de Adoção Internacional do Tribunal de Justiça do Ceará (Cejai/TJCE) realizou, nesta sexta-feira (27/09), curso de preparação psicossocial e jurídica aos pretendentes à adoção e treinamento para servidores de 19 comarcas, da 9ª e 13ª Zonas Judiciárias. O curso, realizado no Fórum de Canindé, contou com a presença de 31 casais e cinco pessoas solteiras que pretendem adotar, além de 10 servidores.

Os grupos de apoio à adoção, Acalanto e Rede Adotiva, foram os responsáveis pela capacitação dos futuros pais adotivos. Entre eles, estavam o casal, Marleide e Tiago. Eles são de Brejo Santo e viajaram mais de 450 km para participarem. “Eu amei, porque está abrindo os nossos horizontes. Antes do curso, tínhamos escolhido uma faixa etária e, após, ampliamos a idade. O que ouvimos aqui desmistificou muita coisa, tiramos muitos mitos da nossa cabeça”, disse Marleide.

Paralelo à capacitação, os servidores que administram o Sistema Nacional de Adoção (SNA) participaram de curso sobre orientações de como usar a ferramenta, que passou por mudanças recentes. O servidor do Fórum Clóvis Beviláqua, em Fortaleza, Deusimar Rodrigues, e o promotor de Justiça, Dairton Costa, deram as orientações.

Segundo o supervisor da 1ª Vara da Comarca de Boa Viagem, Caio Alexander, “o treinamento é importante para o aprimoramento de boas práticas em relação à habilitação em adoção e para manejo do sistema que está em mudança, assim podemos sanar problemas dentro da nossa competência”.

PARCERIA
Os treinamentos resultam do trabalho da Cejai/TJCE, que tem como presidente a desembargadora Maria Vilauba Fausto Lopes, em parceria com grupos de apoio à adoção e Centro de Apoio à Infância e Juventude do Ministério Público. A finalidade é a efetivação do SNA e a promoção do direito à convivência familiar de crianças e adolescentes que deverão ser colocadas em família substituta.